Meu intercâmbio em Vancouver Parte 2

Por Jeniffer Costa • sexta-feira, 29 junho 2018IntercâmbioIntercâmbio no CanadáVancouverViagem

Olá itinerantes desse mundo surpreendente! 😍

Vamos à parte 2 do Meu intercambio em Vancity? Amo chama-la assim ❤ . Se você não leio a Parte 1, clique aqui. Espero que gostem.

Canadá Place

 

Costumes (diferenças) – O que eu achei diferente.

Cumprimento, temos costumes de dar dois beijos na bochecha, ou um dependendo do estado, quando conhecemos alguém. Já eles, só apertam a mão.

Não manda beijos quando finaliza uma ligação ou uma conversa por mensagem. Como assim 😱😂😂 , fiquei passada 😂 😂.

Não entram com sapatos dentro de casa. Tiram e colocam em uma porta sapatos que geralmente tem na entrada e deixam a bolsa jogada no chão (deixar a bolsa jogada no chão é um pouco estranho pra mim 😅 ).

 

Alimentação (culinária local, comeu comida brasileira?)

Senti muita diferença sim gente, a comida é bem picante, em tudo eles colocam pimenta, mas em muitos restaurantes no próprio cardápio eles colocam a imagem de uma pimenta para indicar que aquele prato é muito apimentado.

Até a pipoca tem pimenta. 🤣

 

Já comeram poutine? É um prato tradicional canadense feito com batatas fritas, queijo coalho e um molho gravy (molho de carne bovina). Dica amiga, comida baratinha, no The Famous Warehouse, na 989 Granville St, você encontra o famoso poutine junto a deliciosos hamburgueres, não só hambúrgueres mas também saladas, massas e o melhor, qualquer prato por $5,95 😍.

A famosa Poutine. 😍

 

Experimentei até comida grega e gostei 😍

STEPHO’S

 

STEPHO’S

 

Sim, eu confesso que fui atrás de comida brasileira, apesar de pouco tempo (um mês), eu estava cheia de saudade da nossa comidinha. Fui em um restaurante, que parecia uma casinha 😶, chamado Boteco Brasil. Indico para quem quer comer algo brasileiro e não tão caro.

PRÓS E CONTRAS

Prós: melhor cidade para se viver: tem muito verde / natureza, qualidade de vida, você se sente seguro, as coisas funcionam e não são tão burocráticas como aqui, você não se sente estrangeiro (as pessoas são bem acolhedoras), você pode comer qualquer tipo de comida, e é a original 🤣🤣.

Contras: custo de vida alto para quem sai do Brasil sem visto de trabalho; no downtown eastside (sul de gastown), você anda em meio a usuários de drogas, mendigos, pessoas com deficencia mental, prostitutas entre outros, apesar do governo canadense oferecer uma estrutura impressionante aos moradores de rua ( programa de recolocação profissional, vestimenta, custeio com alimentação entre outros).

Bebida alcólicas são mais caras, exceto vinhos, não todos, mas você pode encontrar vinhos mais baratos do que aqui no Brasil.

Para quem gosta de comer alguma coisa depois das 10 horas é complicado quase não se encontra algo funcionando.

 

Mas Jenny, me conta aí, sentiu dificuldade em alguma coisa?

Sim, sim, sim 😅. Em relação a comunicação. Apesar de serem bem pacientes, falarem devagar, eu senti dificuldade e recomendo para quem puder ficar no mínimo 3 meses.

 

Se eu senti falta de alguma coisa?

Com certeza rsrs, quem me conhece sabe que sou muito ligada a família, então senti falta deles, apesar de ter sido pouco tempo e senti falta da nossa comidinha também.

5 Curiosidades sobre Vancouver / Canadá

  • Mais de 50% da população não é canadense
  • A cidade é cercada por montanhas e mar
  • O animal símbolo do pais é o castor
  • Possui 2 idiomas oficiais: Ingles e Frances
  • É cenário de gravação de vários filmes e séries… (Como supernaturel, arrow, godzilla, 50 shades of grey; junmaji… entre outros ❤)

 

Me perguntaram se eu me mudaria de mala e cuia…

Respondi na hora. Agora. Vamos? ❤❤✈

 

Espero que tenham gostado e que eu tenha ajudado um pouquinho. 😘

See you soon!

Jeniffer Costa. @ummundosurpreendente

veja os posts relacionados

Deixe seu comentário